Criar forum gratis
"Tenho pensamentos que, se pudesse revelá-los e fazê-los viver, acrescentariam nova luminosidade às estrelas, nova beleza ao mundo e maior amor ao coração dos homens." (Fernando Pessoa, em "O Eu Profundo")
Assinar este forum via:
[RSS/Atom]     [E-mail]
Mensagem

Análise

De André em 23/09/2009 14:10:21 a partir de 93.102.42.20
Olá. Estou com algumas dificuldades em responder a algumas perguntas sobre o poema "Gato que brincas na rua" de Fernando Pessoa. As perguntas são as seguintes:
1 - Analisa o poema tendo em conta as seguintes linhas de sentido:
a) caracterização do gato;
b) causas que justificam a inveja que o sujeito poético sente em relação ao felino;
c) significado do verso 8 ("E sentes só o que sentes")
d) valor da última estrofe na construção de sentidos do poema.
2 - Faz o levantamento das características mais formais do poema (métrica, rima, ritmo, disposição estrófica)
Por favor, ajudem-me o mais rapidamente possivel. Vou precisar das respostas para amanhã

Em resposta a:

Análise "Gato que brincas na rua" (António tugaciv@gmail.com - 13/10/2007 19:46:06)
Bem, eu estou com alguns problemas em decifrar este poema (gato que brincas na rua), agradecia que alguem me disponibiliza-se alguma ajuda para a análise deste poema, o mais rápido possivel. Muito Obrigado...(ver)

Responder a esta mensagem

Atenção:
A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, bem como a humilhação e exposição pública caluniosa e difamatória, constituem crimes punidos pela legislação brasileira. Denuncie aqui sites e/ou mensagens de fóruns hospedados na Insite contendo qualquer violação.
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Quero receber notificação por email se minha mensagem for respondida.
Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)
 

| Hospedagem de Sites | Acesso Banda Larga | On Google Plus
Tecnologia Insite   -   Soluções Internet   -   ©   2019 -   http://www.insite.com.br