Criar forum gratis
"Tenho pensamentos que, se pudesse revelá-los e fazê-los viver, acrescentariam nova luminosidade às estrelas, nova beleza ao mundo e maior amor ao coração dos homens." (Fernando Pessoa, em "O Eu Profundo")
Assinar este forum via:
[RSS/Atom]     [E-mail]
Mensagem

Chuva Oblíqua

De Silvia Moreira (silviacmoreira@hotmail.com) em 09/07/2003 23:56:56 a partir de 200.223.26.33
Pois é, Cris. de fato Fernando Pessoa é um que sabe das coisas. Eu gostaria de saber: Como e quando você conheceu Fernando Pessoa? Eu estou, também ,lançando agora, esta pergunta a todos os participantes do Fórum. è interessante saber o depoimento de cada um. Faço o meu depoimento : Eu ouvi alguém dizer ,certa vez, 'Tudo vale a pena quando a alma não é pequena" e eu pensei que era uma frase de dominio público.Depois,eu escutei a Maria Bethania no teatro declamando- "Mestre,meu mestre! A quem nenhuma coisa feriu, nem doeu, nem perturbou,Natural como um dia mostrando tudo,Meu mestre ,meu coração não aprendeu a tua serenidade.Meu coração não não aprendeu nada, Meu coração está perdido./ E lá vai Bethania saltitando pelo palco, saia e cabelos para lá e para cá.... e "Depois, mas porque ensinaste a clareza da vista, Se não me podias ensinar a ter a alma com que a ver clara?" Porque é que me chamaste para o alto dos montes
Se eu, criança das cidades do vale, não sabia respirar? E eu me perguntei:quem escreveu estas palavras? quem? quem? Depois.....já na Universidade eu conheci o nosso querido poeta: Fernando Pessoa, e soube do seu drama, e soube da sua familia heteronímica e soube que Bethania declamava de Alvaro de Campos " MESTRE, MEU MESTRE QUERIDO ! homenageando o mestre de todos Alberto Caeiro.E quantas aulas! quantas tentativas de compreender o enigma ! e o que restou foi uma profunda admiração,e uma paixâo.E você ? Até breve. Silvia

Em resposta a:

Chuva Oblíqua (Cris - 09/07/2003 19:22:33)
Silvia, Considero pertinente a análise do sensacionismo. Pessoa estabelecia que as sensações constituem a única realidade, e que a arte era a expressão da consciência das sensações, mas de uma maneira que ela mesma, arte, fosse uma nova sensação. A arte acabava assim por, mais do que exprimir, multi...(ver)

Respostas:

Chuva Oblíqua (Cris - 10/07/2003 12:21:05)
Silvia, Tenho 31 anos, conheci Pessoa através do meu tio Marcos( psquiatra e doutor em Filosofia), que me presenteou com o livro de Poesias de Álvaro de Campos...eu tinha apenas 11 anos de idade...fiquei fascinada...e continuo...aos 12 anos fui a Portugal (meu pai é português) e lá comprei um livro...(ver)

Responder a esta mensagem

Atenção:
A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, bem como a humilhação e exposição pública caluniosa e difamatória, constituem crimes punidos pela legislação brasileira. Denuncie aqui sites e/ou mensagens de fóruns hospedados na Insite contendo qualquer violação.
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Quero receber notificação por email se minha mensagem for respondida.
Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)
 

| Hospedagem de Sites | Acesso Banda Larga | On Google Plus
Tecnologia Insite   -   Soluções Internet   -   ©   2019 -   http://www.insite.com.br