Orientação para realização da atividade: 1. Para assistir à entrevista, basta acessar o vídeo pelo pelo CD: 2.Entre no Fórum Educação e Tecnologia para registrar sua contribuição e, ao mesmo tempo, conhecer e comentar as contribuições dos colegas.

Tags: tecnologia
23/11/2009 21:36
De: Elzair Araújo
IP: 201.57.221.156

Novas Tecnologias Educacionais

Mediante a entrevista com o professor Ladislau, notou-se o seguinte, a análise chama atenção para as durezas do mundo moderno globalizado, com diversas publicações duas delas, Economia social eo que acontece no trabalho.
Ladislau aponta para acrise da motivação presente no dia -a dia de quem tem emprego, falta sentido de missão e espírito, o mundo só viverá um cenário mais promissor quando transforma, não só os mais fortes sobrevivem, mas só sobreviveremos se todos forem fortes.
No ambiente de trabalho, é produtivo quando paramos e pensamos um pouco sobre o que fazemos, grande parte da vida consiste em organizar conhecimento. Cumpre os horários por uma questão de respeito, mas antes disso precisa ter a honestidade de garantir o conhecimento que atribuem.
O trabalho é considerado apenas peças de um sistema, em que não se deve interferir ou compreender, mas só obedecerem.
A produtividade das pessoas permite que a redução do tempo de trabalho para 8 horas, considerada uma carga razoável para um servidor da máquina fazer sua tarefa de maneira responsável.
A partir do deslocamento proporcionado pelas novas tecnologias, com  a possibilidade de trabalho em rede, de produzir mais em menos tempo, é possível produzir mais com menos esforço.
17/11/2009 22:00
De: Maria do Socorro Gonçalves de Sousa
IP: 201.59.199.66

TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO


                  O  USO  DAS NOVAS TECNOLOGIAS NA EDUCAÇÃ
       Nesta entrevista o professor LADISLAU fala da necessidade de requalificar o  professor para poder explorar os recursos tecnológicos de maneira efetiva. Pois essas tecnologias estão cada vez mais sofisticadas, e o seu uso requer muito mais do que simplesmente saber clicar ou apertar uma tecla. Isso implica dizer que alunos e educadores devem ter uma familiaridade com os novos recursos digitais, como processador  de texto, internet, e-mail, bate-papo, lista de discussão, hipertexto, blog, videoblog, etc.
       Portanto, a escola tem um papel  importante no desenvolvimento das competências e habilidades para que o indivíduo saiba explorar as novas tecnologias digitais.
23/11/2009 21:16
De: Rosimar Carvalho turma H Inhuma -Pi
IP: 201.59.199.66

Tecnologia na Educação

TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO
Necessidade de requalificar o professor para usar as novas tecnologias.
O Desafio da Capacitação Docente no Mundo Contemporâneo.
Sobre as novas tecnologias, a capacitação docente se faz urgente na medida em que os alunos convivem com mídias ultramodernas fora da escola (mesmo muitos alunos da rede pública estão se acostumando à TV a cabo, à informática e ao telefone celular, para ficarmos apenas nesses exemplos mais rotineiros).
A capacitação pode auxiliar nas questões da ética e das relações humanas ao desenvolver competências de relacionamento social, incentivar posturas abertas ao diálogo, facilitar a reflexão sobre temáticas atuais de interesse coletivo e atualizar os caminhos indicados para gerenciar situações difíceis.
A capacitação docente torna-se condição essencial na busca de qualidade de vida no exercício profissional. .É importante saber gerenciar seu nível de dificuldade, identificando quais fatores  interferem no nosso bem-estar e como agem, para que, possamos trabalhar com saúde e equilíbrio.
Acreditamos que apenas um docente permanentemente envolvido com seu processo de desenvolvimento,de capacitação, pode estar preparado para desafio de ser educador no momento presente  de nossa sociedade. Se  os desafios são grandes, grandes também devem ser nossos esforços para estarmos devidamente capacitados e enfrentá-los e superá-los.
20/11/2009 17:58
De: Maria Heliene Pinho Gomes de Macêdo
IP: 201.59.199.66

Tecnologia exige conhecimento

A necessidade do conhecimento que nos é imposta pelo surgimento de novas tecnologias  é uma constante  e com muita intensidade em todas as áreas profissionais, desde a primária  até as mais complexas.
        A escola como fonte de saber, precisa estar sempre capacitando seus professores para lidarem com as tecnologias que surgirem, não é uma questão apenas de mudar o currículo e sim de repensar a educação num sentido mais   amplo, assim, deveria ser menos lecionadora  e mais organizadora  e articuladora de conhecimento.
        Segundo o professor Ladislau Dowbor, as duas fontes de conhecimento das pessoas em geral, vêm da escola e da televisão, e que no Brasil, 92% dos homicídios culturais vêm da televisão, afirma também  que se ela fosse  utilizada de forma inteligente o Brasil daria um salto cultural muito grande.
         É por isso que a  metodologia de ensino aqui  no Brasil deve ser mudada; ela   está aquém das exigências de uma sociedade que necessita de um contínuo conhecimento, pois precisamos de cabeças que pensam.
Heliene Pinho
Inhuma(Pi)
     
24/11/2009 19:11
De: LUCIMAR PEREIRA DA SILVA SOARES
IP: 201.57.221.153

ENTREVISTA COM O PROFESSOR LADISLAU - EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA

  Atividade   3
                                           
                                               ENTREVISTA COM LADISLAU
                                              EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA
                  Diante os relatos da entrevista assistida sobre educação e tecnologia, entende-se que a escola de se preocupar em preparar mais profissionais para ingressar no mercado de trabalho, pois as tecnologias é de grande importância para esse desenvolvimento.
                  Podemos dizer então, que essas técnicas ou metodologias aplicáveis que representam efetivas soluções de transformação educacional  é uma possibilidade de transformar o processo de cópia, transmissão e imposição de conhecimentos prontos, próprios do modelo tradicional de educação, num processo dinâmico de estruturação, potencialização, interação e fortalecimento de novas idéias que podem transformar a escola  num espaço vivo de produção, recepção e socialização
de conhecimentos.
                       Não resta dúvida, que para que essa possibilidade se efetive e possa atingir a tão falada “ qualidade de educação “ é preciso que todos os membros que formam a escola, principalmente os professores, sejam envolvidos no processo das atualizações oferecidas.
                            Sendo assim, podemos chegar a  eficácia do desenvolvimento tão esperado.      
                                           
01/05/2010 14:45
De: Maria Adriana Rodrigues Fereira (diriadiana@gmail.com)
IP: 187.24.37.198

Tecnologia na Educação

Atividade II (As sereias do ensino eletronico)
        A frase que me chamou atenção no texto foi "A unica educação que faz sentido é a que nos faz mudar o mundo."Devemos encarar as inovações como um aliado para melhorar a qualidade da educação mas não como uma sauvadora da patria.
        O mundo globalisado não aseita mais o professor como apenas trasmissor de informações, exige uma interação constante de informação entre o professor e o aluno
03/12/2009 16:29
De: Katianne Cristina Ferreira Castro Silva
IP: 187.12.244.14

Atividade 3 - entrevista com o professor Dr. Ladislau Dowbor

ATIVIDADE 3: Comentário sobre a entrevista do professor Dr. Ladislau Dowbor Na entrevista do professor Dr. Ladislau Dowbor sobre Educação e Tecnologia, suas colocações são de suma importância, onde este explica todo o processo da educação e tecnologia. Ele diz que a necessidade de conhecimento está aumentando e o volume de informações se tornou imenso. Portanto, a escola deve acompanhar este crescimento de forma mais organizada e não meramente lecionadora, ou seja, a escola deve ter informações tecnológicas e uma metodologia central neste processo de aprendizagem de forma que haja interação entre educação e trabalho.
Conforme o entrevistado, devemos selecionar as informações para podemos organizar os nossos conhecimentos e ter uma escola articuladora,pois o espaço tecnológico estar a cada dia multiplicando-se, evoluindo, fazendo com que a escola repense o seu papel. A visão geral é que precisamos de escolas menos lecionadora e, sim, organizada de conhecimentos.
Ele ainda afirma que a escola deve ser menos lecionadora e mais articuladora,com relação as mudanças que estão surgindo, pois o espaço do conhecimento está se multiplicando e a escola deve está pronta para esta mudança, isto é, não deve está preocupada apenas com o currículo, mas também com toda a proposta . Também, a metodologia deve ser o centro em todo esse processo de mudança .
Refletindo um pouco sobre o que foi dito na entrevista, podemos dizer que a missão de ensinar nunca foi fácil, porém com tantos avanços tecnológicos e as crescentes exigências da sociedade e competitividade no mercado de trabalho, hoje temos muito mais necessidade de conhecimento em todas as áreas. O que ocorre é que, infelizmente, nós professores temos dificuldade de acesso a novos conhecimentos num universo que se multiplica a cada dia. Precisamos cada vez mais refletir sobre nossas práticas, centralizar nossas metologias na educação e no trabalho, facilitando a aprendizagem de nossos alunos, evitando perpetuarmos as metologias que os levem ao fracasso escolar e ao atraso na evolução tecnológica.
23/11/2009 16:56
De: francisca maria soares lima
IP: 201.57.221.153

Atividade3- entrevista com o professor Ladislau

ATIVIDADE 03
ENTREVISTA DO PROF. LADISLAU: COMENTÁRIOS
PROFESSORA: FRANCISCA SOARES(QUINQUINHA)
ASSUNTO: EDUCAÇÃO E TECNOLOGIA
O Professor Ladislau nos repassa em sua entrevista que a escola precisa repensar seu papel na sociedade atual, dinamizando suas ações e selecionando os melhores conhecimentos s serem repassados para os discentes.
Mediante os avanços tecnológicos ele diz que o professor não é mais o dono do saber, nem o aluno é um ser passivo, agora se valoriza muito mais a questão da interação e a troca de informação entre aluno e professor. Ele afirma ainda que a educação precisa ser articuladora e organizadora do conhecimento e facilitadora da busca de informações. E como Ladislau nos propõe uma escola nova precisamos repensar que tipo de escola que queremos em virtude das questões da sociedade atual, procurar identificar nossas falhas em relação ao ensino procurando corrigi-las, proporcionando uma educação mais ampla, visto que , a escola de hoje está inserida num mundo bastante contraditório e injusto.
Ele diz que o professor deve apropriar-se das novas tecnologias em benefício do ensino e da aprendizagem , e no meu ponto de vista tal reformulação tem que ocorrer imediatamente para que a escola volte a ter um papel importante e com qualidade  na sociedade.
Achei muito interessante o que ele coloca sobre a situação econômica do país e da necessidade da educação, e que pessoas de qualquer idade tenham acesso a novos conhecimentos de maneira flexível.
24/11/2009 17:47
De: Celia Virginia Soares (celia.virginia2009@gmail.com)
IP: 201.57.221.152

Tecnologia e Educação

Entrevista com o professor Ladislau
Ao assistir a entrevista com o professor Ladislau, é possível afirmar que com as novas tecnologias impostas a educação faz-se necessário pensar de forma mais ampla que temos a necessidade de conhecemos um pouco em cada área ,em especial porque somos educadores e muitas vezes influenciamos de alguma forma decisões tomadas por nossos alunos o que podem interferir na sua formação profissional de forma positiva ou negativa.
O nível de conhecimento está se afunilando e as escolas e educadores precisam está preparados para esse embate. Não basta apenas reter o conhecimento é preciso ampliá-lo em conjunto com nossos alunos.
Na formação escolar e em especial no processo ensino aprendizagem a metodologia utilizada precisa está centrada naquilo que o mercado de trabalho procura. E uma verdadeira selva onde apenas os que estão inserido sobreviverão.
Não basta acumular conteúdos com excesso de informações teóricas se as mesmas não forem úteis para que nossos educandos possa interagir entre a formação educacional e o trabalho.


20/01/2010 17:22
De: Valkyria Noelma de Morais Silva
IP: 201.59.201.115

Atividade III. Entrevista com o professor Ladislau

                            Atividade III – Entrevista com Jadislau Dowbor.
                     Esta entrevista reforçou muito minhas conclusões a respeito do tema TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO. A cada texto, a cada vídeo estudado descobrimos um mundo novo a ser explorado mais, e a ser mais valorizado na nossa profissão, precisamos conhecer, aprender e ao mesmo tempo transmitir  à outros usando essa tecnologia, esse é o desafio constante do bom professor. Ladislau também comenta uma frase que me chamou bastante atenção “A cabeça não tem que ser bem cheia, tem que ser bem feita” .É importante a organização do conhecimento e saber que a educação é uma ação para vida inteira.
Valkyria Noelma de Morais Silva. Turma F . Inhuma
20/01/2010 13:05
De: Valkyria Noelma de Morais Silva (teacherchickval@gmail.com.br)
IP: 201.59.201.115

Tecnologia na Educação

Atividade II. (As Sereias do Ensino Eletrônico)
        Gostei muito desse texto; há quem discorde, talvez os amantes, os seduzidos cegamente pela tecnologia. Más eu concordo plenamente com o raciocínio e conclusão do texto. Fiquei feliz por está certa em meu ponto de vista com relação a novas tecnologias, pois muitas vezes me sinto, e tenho a atitude de Ulisses, busco conhecer todas as novas tecnologias, sou ávida por coisas novas, porém sempre com cuidado, para não ser seduzida, encantada demais por elas. Por isso me chamou bastante atenção o pensamento de Emile Durkheim “Não basta introduzir tecnologias – é fundamental pensar em como elas são disponibilizadas, como seu uso pode efetivamente desafiar as estruturas existentes em vez de reforçá-las.” É uma advertência importante para todos nós. Também acho que boa parte da essência revolucionária se perde quando as tecnologias são assimiladas, padronizadas, burocratizadas.
Fiquei refletindo um pouco sobre as palavras de Pierre Lévy “Tecnologia não é desumanizador, pelo contrário desumanizador é o uso que nós, homens, fazemos dela.”                  Concordo más pouca gente concorda ou está preocupada com isso.
Ás vezes me preocupa porque estou consciente da nova realidade como disse Eric Barchechat “Somos agora obsessivamente responsáveis por aprender por toda a vida para manter nossos empregos.” Pois o aperfeiçoamento, a atualização, reciclagem, exige custos e tempo, e essa não é a condição da maioria dos professores e acho que isso aumenta a competitividade entre os mesmos.
Valkyria Noelma –Turma F.  
07/12/2009 21:02
De: Idalena Sousa Almeida
IP: 201.59.199.66

Tecnologia na educação

Diante das situações atuais percebe-se a necessidade do uso da tecnologia. É preciso requalificar, não dar para  estacionar no tempo. Concordo com o Prof. Ladislau Dowbor, quando relata sobre a necessidade  de buscar novos  conhecimentos para melhor convivência nesta sociedade. Todas as camadas sociais devem avançar na busca do conhecimentos porque as necessidades de hoje não são as mesmas de 15 anos atrás.
A escola tem que ser menos lecionadora e mais organizadora de conhecimento. A escola tem que fazer algo e fazer bem feito afim de aperfeiçoar o indivíduo, porque a mídia está entrando na casa do cidadão, tanto na cidade como no interior. Temos que despertar o interesse dos alunos com a finalidade de buscar o conhecimento.
Seu IP: 3.227.249.234 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)