Fórum destinado aos comentários e discussões sobre o intrigante livro Kansun. Decifrando seus anagramas e suas entrelinhas.

Tags: leitura livro literatura tarot romance aventura autor taro leitor alquimia ficcao
05/05/2009 11:29
De: J.B.Cenzi
IP: 189.91.16.90

Decifrando Kansun

O livro Kansun - http://www.kansun.com.br - contém vários anagramas e interpretações que podem conduzir um leitor atento a várias fontes de conhecimento.
Vamos decifrá-los?
Veja a sinopse do livro:
O livro inicia narrando, de forma singela e simples, o nascimento de cinco cãezinhos viralatas, dos quais um é Kansun. Logo ele passa a adotar comportamento diverso dos seus, deixando-se levar por uma imensa curiosidade.
Justificando o título do primeiro capítulo, A Indignação, o cãozinho se mostra incapaz de se adequar à vida rotineira e monótona, em que a subsistência é o maior, senão único, objetivo de vida, acalentando um sonho de descobertas e de aventuras. Algumas tentativas iniciais frustrantes não são o bastante para refrear os seus anseios e, já crescido, Kansun deixa o terno convívio com a família para lançar-se na busca de seus sonhos, embora sequer os tenha claramente definidos.
Sua inexperiência, no entanto, o conduz a uma situação de risco, culminando com o seu desfalecimento ante uma forte intoxicação. É socorrido por um experiente cão afghanhound, nascendo daí uma grande e inspiradora amizade. Através de relatos de suas muitas andanças pelo mundo, o velho cão apresenta a Kansun novas perspectivas, sugerindo um rumo para suas buscas. Após muito tempo de convívio com o grande amigo, a partida deste o faz retomar o seu caminho, agora com uma meta estabelecida.
O segundo capítulo, O Caminho de Trota, intensifica a necessária leitura subliminar. O texto flui ainda como a singela história de um cãozinho curioso e determinado, porém sempre faz veladas referências a situações em que muitas pessoas podem identificar passagens de sua experiência de vida. O próprio título do capítulo já é, em si, uma pista das entrelinhas, pois Trota é um anagrama para Tarot.
Enfatizando a característica do texto, que se desenvolve através de encontros de Kansun com outros animais, nosso pequeno herói acumula experiências e aclara seu intento. Após algumas infrutíferas tentativas de atalhar o longo cominho que vislumbra, o segundo capítulo termina com a retomada da jornada de Kansun por novos rumos.
A Espessa Floresta, título do terceiro capítulo, faz referência à Alquimia, que era assim referida em antigos textos de ocultismo. Apesar de alguns poucos encontros com outros seres, é a mais solitária e desgastante passagem da aventura de Kansun, porém também não o conduz à imediação das metas que se propusera. Termina com novo risco de morte do cão, engolido e arremessado às pedras pelas revoltas águas do Rio das Esmeraldas.
Recobrando-se das agruras passadas, Kansun inicia o quarto capítulo, A Terra Mutante, pretendendo dar nova ordem às suas andanças, mas mergulha em novos convívios com outros seres, ora sofridos, perigosos e arrastados, ora de esfuziante alegria e beleza, como pode sugerir o título, que se refere ao I Ching. Principalmente nesse capítulo, os nomes dos personagens com os quais Kansun interage são anagramas que, se decifrados, conduzirão o leitor mais atento a textos de antigos ensinamentos.
Não conseguindo identificar ali um caminho promissor às suas intenções, Kansun deixa a Terra Mutante e parte para um desolado e inóspito ambiente desértico. As Quatro Cidades, título do quinto capítulo, referem-se aos quatro estágios pelos quais o ser humano deve passar no seu desenvolvimento, segundo a Tradição Sufi. Nele Kansun se encontra com um leão, que na simbologia Sufi representa o homem no caminho. Através do relato de uma história, que lhe faz o leão, e de uma experiência mística, Kansun finalmente consegue vislumbrar um caminho mais propício às suas pretensões, e adentra o sexto capítulo, O Caminho do Amor.
Finalmente Kansun consegue o tão almejado encontro com um elefante, que, imaginava ele, poderia ensinar-lhe o segredo da força, porém não é o que consegue obter do paquiderme, e o final resvala no impossível.
Seu IP: 3.235.45.196 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)