Preciso de um Modelo de Peticao de contestacao de alimentos, mas em favor da genitora.se alguem tiver m mande nan_238@hotmail.com Tks

Tags: familia direito pa
29/02/2012 23:53
De: BERNADETE BEZERRA DE AZEVEDO (doutorabernadetebezerra@gmail.com)
IP: 177.65.8.2

Ação de alimentos c/c visitação

Amigos a ação de alimentos segue rito próprio, portanto não façam ela junto com outras ações tipo visitação, divórcio e afins...
Quando há um acordo, geralmente deixa se consignado na assentada, se as partes assim quiserem, a visitação. Mas isso só ocorre em acordos. Se for ação judicial, façam separadas... Nada de fazer tudo junto...
abs,
Bernadete
advogada
07/08/2012 20:40
De: Ivany Costa
IP: 187.57.124.115

Contestação


Boa noite!
Solicito à Vossa Senhoria um modelo de contestação à ação de oferecimento de alimentos por parte do pai.
Impetrei com  ação de alimentos em prol do menor, representado pela genitora, e o pai, foi mais rápido, interpôs a ação para ofertar alimentos com valor irrisório de 20% do salario minimo.
Alega o pai que trabalha como autônomo de serviços gerais , auferindo rendimentos mensais de R$ 400,00  
(quatrocentos reais)residindo ainda com os pais.
Tenho apenas cinco dias para contestar.
Desde já agradeço
Dra. Ivany
05/10/2009 10:11
De: DEGIANE BARBOSA LIRA
IP: 189.27.21.125

Pedido de contestação

por favor ,
preciso de uma contestação.. onde uma empresa devia ser vistorada e estava fechada no dia por motivo da folga dos funcionarios e empregadores. preciso esclarecer a secretaria de estado de desenvolvimento economico e turismo....
se possivel hoje ... agora;.
obrigada!!!!!!
05/10/2009 17:16
De: maria luiza
IP: 189.72.177.55

Re: Contestação - modelo

gostaria de um modelo de contestação de alimentos.
o autor pediu alimentos  e o reu quer baixar o valor estipilado pelo juizvalou, quer pedir para fixar dias de visita e pedir justiça gratuita e investigação de paternidade.
preciso de um modelo
obrigada
luiza
19/03/2011 17:46
De: solange maria goldner
IP: 201.78.130.237

Pensão alimenticia

Gostaria que me ajudasse em uma ação de alimentos onde o pai pretende pagar a pensão somente em alimentos,desde que soube que sua ex-mulher vem gastando o dinheior depositado em outras coisa que não seja em benficio do filho,ou seja vem comprando coisas que não satisfaz o filho,como:computador.vestidos,e muito mais.Desde ja agradeço.
05/04/2010 18:26
De: Nilce
IP: 201.92.5.178

PENSÃO

Olá Colega,
Gostaria de obter uma orientação sua. Fui procurada por uma mãe de um jovem de 20 anos, que aos 11 anos de idade sofreu um acidente de transito grave, tendo como condutor o proprio pai. Deste acidente ficaram sequelas, mas a mais grave é a esquisofrenia. O pai, já separado da mãe deste a época do acidente, paga pensão até hoje (33%) e disponbiiza também um seguro saúde para o filho. Ocorre que o seguro saúde não cobre as internações que são necessárias em época de crise do filho. O pai auxiliou financeiramente até onde pode, mas alega não dispor mais de recursos financeiros para tal.
Há uma ação de Indenização proposta à epoca dos fatos em São Paulo, mas segundo esta mãe - ao telefonar para a advogada, não recebe retorno das ligações.
Consultei o TJ e vi que o filho não compareceu à data da perícia no IMESC, marcada judicialmente. E noutra ocasião, atrasou-se demais prejudicando a perícia.
O que parece, na verdade, é que a advogada advertiu-os quanto à ausência desta perícia, mas que não houve comprometimento, não acha?
Como o rapaz é agressivo e ja tentou até cometer atos de violência contra a mãe, imagino que ela não tenha conseguido levá-lo à pericia na data marcada.
Mas o processo está seguindo com esta advogada.
Porém a pergunta é: É possivel atribuir uma obrigação maior ao pai (além dos 33%) por motivo de necessidade para tratamento do filho?
Frise-se que o pai já comprou e quitou um apartamento para mãe e filho, onde moram atualmente.
Agradeço a atenção desde já
Sds
Nilce T. Pellegrini
08/04/2010 21:06
De: ADRIANA OLIVEIRA
IP: 189.105.191.39

REVISIONAL DE ALIMENTOS

Olá. Preciso com alguma urgência de algumas respostas, ainda não me formei, e estou na BA (sou do RJ), tenho uma ação de revisional de alimentos em que a juíza (interior do estado), deu 40% dos resdimentos  brutos para apenas uma filha . Sendo que na inicial a genitora alegou que o réu não tinha outros filhos, sendo que ele já tem dois e presta 30% (para as duas) descontado em folha, e ainda, alegou também queo réu é polícia militar no estado do RJ, sendo que o mesmo é Sargento (segundo) da marinha do Brasil. As perguntas são: Como pagar 70% dos rendimentos? (Houve arbitrariedade?), mais a genitora usou o argumento do réu não ter mais filho algum, sendo que tem, ela conhecia, e inclusive existem provas documentais disso. Estou instituindo um advogado em Ilhéus, porém, gostaria de ouvir a opinião dos colegas do fórum.
Grata
Seu IP: 3.209.80.87 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)