Discussões sobre Filosofia, Religião, Ateísmo, Agnosticismo, Política, Literatura, Ecologia, Internet e Atualidades.

Tags: internet religiao ecologia deus literatura politica filosofia atualidades meio-ambiente ceticismo
20/05/2009 15:16
De: paulo lacerda leao (lacerda-leao@bol.com.br)
IP: 189.97.131.98

Minha visão neste momento

 
                  CARÍSSIMOS!
  Neste momento, e após ler algumas das crenças acima estou me lembrando que os torcedores mais acalorados defendem seus times ferrenhamente, sendo que alguns até à morte física.
 Pelo que sei a mente humana não suporta a conciência de que não pode sobreviver com idéia de não saber respostas para se sustentar com " segurança" . Daí quando não se sabe quem cometeu um crime, até vale se enviar inocentes para a cadeia. Porém: " viu com fizemos justiça?"
  Penso que as discussões em torno de deus esteja nesta categoria. Quando nada se sabe, inventa-se um" DEUS " para justificar a ignorância sobre o que não se conhece e atribui-se a este a causa.
 
  Filosofar é bom e dá prazer. AFINAL, QUEM NÃO QUER VER O SEU TIME GANHAR?
  Na briga entre os milhares de deuses vai ganhar o mais sábio; no meu caso, o meu.
  Será que sou arrogante? Ou será que o "MEU DEUS" é o mais forte, imbatível, o que nunca perde, o herói dos heróis, oU aquele que inventei a meu bel prazer e necessidade QUE É QUE MAIS ME CONVÉM?
  Valeu! ATÉ APRÓXIMA PARTIDA.
   PAULO.
15/11/2013 09:48
De: advesteIdot
IP: 208.177.76.15

Re: Re: Re: Casquette sale more fashion supreme casquette for you

t|post[body]|post[message]|post_comment_root|post_comment_source|post_data[message]|post_message|postcomment|PostComment_ascx$tbComment|poster_message|postercomment|postitem|postmessage|postMessText|postText|prim_fg|prispevok|product|profile_activities|profile_comments|profile_message|profile_skills|profile_why|publicreview|q[2]|q12|q15|q6|qamessage|qcomments|qDetail|qform_question|que4|quest|question|questions|questionscomments|quicksms-message|quote|r_comment|R_Message|raq_massage|rating[comment]|rating_comments|ratingmessage|rcmnt|re_comment|re_content|reactie|reaction|reader_comment[body]|real-comment|reason|recipient|recommander_message|recommend[message]|recommend_message|recommend_msg|recommend_text|recommendation|record_thetext|references|REG_COMMENT|REG_Comments|RegInfo|regmessage|regolamento|rem|remark|remarks_up|reply|reply_content|reply_message|reply24|ReplyContent|ReplyMessage|report|report[message]|report_abuse[comments]|report_comment|report_error.comments|report_message|reportAbuseComment|reporttext|req_message|reqcomment|requests|requiredEntry|requiredmessage|res|response|rev|rev_review|review|review[comment]|Review[content]|review[message]|review[review]|review_comment|review_comments|review_message|review_text|reviews_text|richiesta|risposta|rmessage|RP_CONTENT|rp_message|rt_message|s[message]|s_comment|s_message|s2|s4|s7|sa_comment_content|saturs|sBody|sc_message_empty|sComment|send[comment]|send[message]|send_comment|send_data[notes]|send_message|send_pers_message|SEND_TO_FRIEND[message]|sender_comments|sender_message|sendercomment|SenderMessage|sendermsg|sendPage_message|sendto|sendToCollegueForm:message|SendToFriendControl1:txtMessage|serendipity[comment]|sf_message|sfText|SH_Question_Comment|share[recipients]|share_message|short_comment|shout|shout_contents|shout_contenu|shout_message|shout_text|shoutbody|shoutbox_message|shoutData[message]|si_contact_message|signature|SKFCE_7_UserInput|slogan|smessage|sms_message|smstesto|sp_message|special_instructions|specialneeds|spForumShowCenter:txtMessage|spo_message|srccomments|ss_content|sso_user_reg_comments|statement|stnemmoc|story|str_comment|strComments|strMessage|strPOO|sub_comment|subcomment|submission|submitcontent|suggested_answer|suggested_question|Suggestion|svar|sVoteComment|szComment|T_Message|t_q1|t_reply|ta|taf_message|tag_message|TAG_testo|tArea_Comment|tbmessage|tbreview|tbxComment|tcf_msg|tcomment|tcontent|te|teaser_js|tekst|testo|testocommento|text|text_comm|text_comment|text_mess|text_message|text1|textaComment|textcomment|texte|texte_message_auteur1|texte_post|textfeld|textfield|textfield5|textfield7|textmessage|textmode|Texto|texty|the_message|theComment|themessage|thread|thread_message|thread_text|threadformbody|ThreadMessage|ticket[user_comment]|tipboxentry|tipform[message]|tipMessage|tipscomment|tm1_feedback_PlainBodyAsUBB|tmessage|to_message|topic|toy_message|tPost|training|tshort|twk0comment|TX|tx_comments_pi1[content]|tx_pbcomments_form[content]|tx_skpagecomments_pi1[comment]|tx_veguestbook_pi1[entry]|txaArticle|txameg|txareaquestion6|txt|txt_body|txt_comment|txt_comments|txt_desc|txt_friendmessage|txt_message|txt_msg|txtAcomentarios|txtaMessage|txtBody|txtComentario|txtComm|txtcomment|txtCommentaire|txtcomments|txtcompanymessage|txtdescription|txtdetail|txtlogin|txtMesaj|txtmessage|txtMessageToFriend|txtmsg|txtNotes|txtQuestion|txtReplyMessage|txtSenderComments|txtToFriendMessage|txtuser|txtyourmessage|u_sig|ufoteeext|umessage|uname|up_comment|user[message]|user_absence_text|user_comment|user_comments|user_id|user_message|user_sig|user_texte|userComment|UserComments|userfield[field10]|userfield[field11]|userfield[field13]|userfield[field15]|userfield[field19]|userfield[field24]|userfield[field25]|userfield[field41]|userfield[field7]|userForm[comment]|userMessage|utilMessage|uwagi|uzenet|v_content|v_replier|v5|vcomment|vpt_comments|vzkaz|w_comment|wall_message|wcomment|welcomethread_message|what|why|whyjoiningform|wi|wiadomosc|wishes|words|wpcf_msg|wpwall_comment|wrongOwnerBody|wttw.message|xdforum_data[xp_post]|xml_body|y_msg|ycomment|your_message|yourComment|YourComments|yourmessage|your-message|yournewmessage|yourremarks|yourstory|yousay|zoexre|zprava
20/10/2007 16:30
De: Ivo S. G. Reis
IP: 201.10.177.101

Moto-serras... Mais letais do que armas de Fogo. Por que não controlam?

São rápidas, ágeis e eficazes. Cortam árvores como se estivessem cortando queijos, tanta é a facilidade do manuseio. E ao cortá-las, cortam também um pouco da vida do meio ambiente e das pessoas que nele vivem. A cada árvore derrubada, quinze outras morrem e o  pequeno ecossistema da área em que ela estava, sente os reflexos negativos. Imaginem, então, centenas ou mesmo milhares de árvores sendo derrubadas, não importa se na mesma área ou em pequenos espaçamentos…
Todos sabem o que acontece. O madeireiro sabe (comete um crime consciente), o povo sabe, as instituições de defesa do meio ambiente sabem, o Governo sabe, mas ninguém consegue coibir e muito menos estancar em definitivo o desmatamento criminoso. O que estão esperando? Que o madeireiro, num lampejo de crise de consciência, enxergue o dano que causa e resolva parar? Não, a sua sede pelo lucro é muito maior do que os seus princípios éticos e morais. Por isso, a menos que encontre pela frente uma rígida fiscalização e punições pecuniárias e restritivas da liberdade, ele não vai parar.
De todos os que sabem, o que reúne melhores condições  e poder para estancar essa prática daninha (quando a exploração da madeira é feita comercialmente e em grande escala) é o Governo. O povo, as ONGs e outras instituições de defesa do meio-ambiente, e em especial da Amazônia, só podem protestar e alertar, mas não têm poder de polícia e nem de editar leis. Isso compete ao “Poder Público”.
Aliás, sobre isso, leia-se o que diz o “caput” do artigo 225, da Constituição Federal Brasileira, no capítulo que regula o meio ambiente:
“Todos têm o direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial à sadia qualidade de vida, impondo-se ao “Poder Público“  e à coletividade, o dever de defendê-lo e preservá-lo para as futuras gerações.” (os grifos são meus).
Então, o que falta ao Governo para pôr fim de vez a essa situação perigosa, incômoda e preocupante? Diria que é somente vontade política e mais nada.
O que se vê é que o “Poder Público” não está cumprindo convenientemente o seu dever constitucional. Por que não controla melhor os crimes ambientais?
Foram criadas, recentemente, leis que regulam o uso e o porte de armas de fogo, impondo controles, restrições e rígidas penalidades. Por que não fazem o mesmo com as moto-serras? Acaso o seu poder de destruição e o dano que causam a terceiros é menor do que o das armas de fogo? Não, pelo contrário, é muito, muito maior. Pela liberdade do uso das moto-serras chegam-se a matar pessoas e dizimar ou afastar do seu habitat natural pequenas comunidades inteiras, especialmente indígenas.
Ao que se saiba, existe apenas um Código Florestal Brasileiro, remendado, ultrapassado, datado de 1965, constantemente desrespeitado, e uma tímida lei que controla a concessão de licenças para porte e uso de moto-serras e que deve ser renovada a cada dois anos. Afora isso, alguns organismos governamentais, como o IBAMA, ineficiente, já corrompido, o Ministério do Meio Ambiente e o das Minas e Energia, ”tentam” fazer alguma coisa, mas não atingem os seus objetivos.
A prova disso, é que a venda de moto-serras e o desmatamento (a despeito de uma pequena diminuição a partir de 2006), ainda estão em franca expansão. Então se conclui que as poucas leis existentes são inócuas, porque todo mundo compra e usa o artefato assassino à vontade, cumprindo uma mínima burocracia de controle “faz de conta”. Em dois anos pode-se fazer muito estrago.
Temos de entender que chegou a hora de o Governo corrigir seus rumos e repensar uma solução para esse angustiante problema. Já temos as queimadas (estas, muito mais difícil de controlar), os desmatamentos por correntões, utilizados pelos agricultores, as poluições ambientais dos rios e nascentes, causadas por mineradoras e usineiros que despejam metais tóxicos e vinhoto nos rios e agora vamos ter que aturar as moto-serras, proliferando-se e com um poder devastador maior e mais rápido que os demais!?…
Pagamos muito caro pela nossa cidadania (uma das mais caras do mundo) e temos o direito de exigir um basta.
Nós, povo, brasileiros, não-brasileiros, cidadãos da Terra, de forma organizada ou não, queremos protestar, em nome da preservação das nossas matas e da qualidade de vida ambiental, aqui, ou em qualquer lugar do planeta.
Vamos pressionar nossos políticos para que façam novas leis, mais rígidas, no que se refere à venda, controle e uso das moto-serras. Usemos a informática para saber quem, onde, quando e quanto comprou. E mais: onde e em que vai usar. Reforcemos o efetivo policial, para que não se use a clássica desculpa de que “falta gente para fiscalizar e policiar”. Recursos? Temos bastante. E se acharem que não, O Banco Mundial, o BIRD e outros organismos financeiros internacionais estão aí para abraçar a causa e emprestar. Isso não é difícil, basta querer.
Você que está lendo esse artigo, fale com o seu deputado federal, com o seu senador, com o seu partido político (se filiado a algum). Pressione para que APRESENTEM um novo projeto-de-lei para controlar a venda e o uso das moto-serras. Depois, voltem a pressionar para que APROVEM, porque o “lobby” contrário vai ser grande. Por último, pressionem para que IMPLANTEM, para que não venha a se tornar mais uma daquelas “leis mortas”, tão comuns no Brasil.
Se o resto do mundo encampar a idéia e imitar o exemplo do Brasil, teremos dado uma grande colaboração à humanidade. E, o que é melhor, em nível mundial.
É sonho? Talvez, mas é possível e quase inevitável que um dia se tenha de fazer isso. E esse dia, creiam , já chegou. Nós é que ainda não acordamos para vê-lo.
31/10/2009 22:20
De: Ivo S. G. Reis - Admin
IP: 201.88.80.149

Fórum de debates filosóficos ou reduto de pregação de crentes?

Tenho dada a mais ampla liberdade aos nossos debatatedores, mas noto que o fórum está virando um paraíso de crentes e reduto de proselitismo evangélico e cristão. E não é este o objetivo do fórum.
Tudo bem que se discuta religião, Bíblia, Evangelhos, etc., mas, por favor, não exagerem! Estamos ns desviando dos reais objetivos do fórum. Quando puderem discutir religião sob a ótica filosófica, façam-no! Mas se for apenas para ficar fazendo citações bíblicas e dos Evangelhos ou da Torá ou do Alcorão ou de qualquer outro livro sagrado, evitem ou afastarão as pessoas que realmente querem discutir Filosofia. E Filosofia não é religião, entendam!
Temos o máximo prazer de tê-los todos aqui, mas queremos também diversidade de assuntos e, de preferência, eminentemente filosóficos ou relacionados, pelo menos. Evitem que seja acionada a moderação. Cooperem!
Abraços a todos e gratos pela compreensão!
01/09/2008 18:12
De: KLEBER RAMÍREZ
IP: 189.71.72.140

Re: Considerações sobre a possibiidade de ter um presidente da república evangélico

Olá Ivo.
Obrigado pelo seu respeito. Admiro também você pela sua cinceridade. Vc. sabia que isto é muito importante?
Quando nós buscamos, interrogamos e até afirmamos, ou questionamos, isto gera sabe o que?
Busca da verdade.
Você sabia que Deus te criou assim? O homem culto. Querendo a verdade acima de tudo.
Não confia em religião. Estou do seu lado. Porque lá no Céu, não haverá religião e sim irmãos.
Ele acredita em você. Confia em você. O que ele quer da nossa parte, é que devemos envolver ele em todos os nossos caminhos, seja em qualquer área de nossas vidas. Deus não é religião. Mas sim, o criador de todas as coisas. Ele que usar você. com sua sabedoria para abençoar o próximo. Você é muito importante para Ele.
Deus jamais irá fazer aquilo que o homem pode fazer. Ele só faz aquilo que nós não conseguimos realizar. Ele tem prazer em realizar nos sonhos, mostrar o amor dele através de nossas vidas. Quer um exemplo?
Te admiro naquilo que você faz. Como estes sites, onde nós debatemos e conversamos. Isto é importante. Admiro como você é zeloso naquilo que acredita. É um passo para Deus te alcançar. Mas ele te respeita, e jamais vai invadir a sua vida sem você permitir.
Eu não congrego na Assembléia de Deus, Nem na IURD, Nem RR Soares, e não vou citar qual a denominação que eu congrego. Quero apenas que você, KIBOM33, e demais pessoas vejam em mim, um crente que ama e entende as pessoas. Porque foi assim que ELE me ensinou.
Quanto as histórias dos Papas, conheço, e são de amendrontar. Também conheço História de pastores que verdadeiramente envergonham até em falar nisto. Mas aprendi em Cristo que o importante é ver as pessoas de outro ângulo. Como por exemplo: Pedro negou á Jesus três vezes, olha que ele, era um cara de confiança do Senhor. Mas o que aconteceu? Jesus o perdoou, e mandou ele continuar o seu ministério. Através do amor, podemos tudo. Vencer desafios, e outras coisas. É assim que Deus, Jesus e eu te vejo. Um homem querendo acertar naquilo que acredita.
Que Deus continue te abençoando mais e mais.
Um abraço.
Kleber Ramírez
06/01/2011 15:27
De: Fernando Almeida (fernndoitb@gmail.com)
IP: 200.222.27.193

Re: Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais

Concordo com quase tudo. So católico e só peço o cuidado para que não passemos a pregar o ódio. Vejo sim, um certo perigo no avanço dessas seitas, mas um dia haverá uma nova revolução entre eles próprios que os farão regressar para a única Igreja, a de Jesus, Maria, Pedro...
Basta ver as brigas entre pastores, o que os leva a fundarem outras iguejas. É questão de tempo!
Abraço a todos!
22/10/2008 02:23
De: EMACON HADO
IP: 189.34.39.1

Re: PARA VOCÊ PENSAR E REFLETIR (para o Kleber Ramirez)

Muito interessante o seu comentário. Apesar de discordarmos em alguns pontos demonstra claramente, a sua fé.
A ciência, Kleber, nunca se cala... [quem sabe um dia? Conforme disse Paulo, em sua linda exposição sobre o amor (I Cor 13)], ela é inquieta, curiosa, procura sem descanso as respostas. E, por mais paradoxal que possa parecer, a ciência aproxima de Deus ao invés de afastar; já que ela também, é um dom dado por Ele. Poderia citar muitos nomes de cientistas famosos que criam e que crêem em Deus, mas acho que não é necessário. Portanto, Deus o criador de todas as coisas, é uma certeza... cada vez mais “científica” e que temos em comum.
A nosso discordância se inicia, quando o homem começa a interferir na história. Daí, já carece de julgamentos puramente humanos e, as discrepâncias aparecem.
De um lado, Deus é amor e de outro, um Deus perverso; afirmam, ser Deus, infinitamente misericordioso e ao mesmo tempo, mostram um Deus impiedoso; um Deus de poder sem igual mas que se mostra frágil diante das forças do “mal”; um Deus que faz escolhas (afinal, não somos todos seus filhos?), e muito mal... por sinal. Poderia ficar aqui por muito mais tempo e não bastaria, para enumerar todas as discrepâncias humanas, claramente verificadas nas escrituras.
Por isso, Kleber, prefiro manter a minha crença em Deus à luz da razão que me diz ser Ele perfeito, e que tudo de errado e controverso que existe no mundo foi feito pelo homem.
Sobre Jesus, falaremos em outra ocasião. Pode aguardar.
Boa noite e fique com Deus, Aquele que é tudo de bom.
Seu IP: 18.206.168.65 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)