Criar forum gratis
Discussões sobre Filosofia, Religião, Ateísmo, Agnosticismo, Política, Literatura, Ecologia, Internet e Atualidades.
Assinar este forum via:
[RSS/Atom]     [E-mail]
Mensagem

Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais

De Ivo S. G. Reis em 22/03/2008 08:36:50 a partir de 189.10.115.22
Cuidado com os Evangélicos! Criticá-los? "Não Pode!" Dá Processo.
É, o poder econômico dos evangélicos está crescendo mesmo; preocupante e assustadoramente. Só de janeiro a março deste ano, mais de 100 processos deram entrada na Justiça, em 20 estados brasileiros, movidos pelos evangélicos contra jornais, jornalistas e emissoras de TV. Tudo porque ousaram criticá-los desfavoravelmente, segundo a sua ótica.
Geralmente as ações são de "indenizações por damos morais" e os formatos das petições parecem ter o mesmo modelo e um texto padrão, fornecidos pelas administrações das igrejas evangélicas, que estão assessoradas por bons e oportunistas advogados. Em Direito, isto poderia ser classificado, como"litigância de má fé", por ser a motivação ilegítima. E, de fato, algumas das ações, com este veredicto, já foram julgadas. O Objetivo real delas, não é o reconhecimento do erro, a retratação pública e o recebimento das indenizações, mas sim a intimidação. Sequer estão se importando se vão ganhar ou perder. Querem é deixar o recado: "Se ousarem nos criticar, é isto o que vai acontecer".
As quatro principais motivações dessa enxurrada de processos foram: 1) A reportagem da Folha de São Paulo, em dezembro de 2007, "Universal Chega aos 30 anos com Império Empresarial", na qual se tece comentários sobre a formação do patrimônio econômico da IURD, com denúncias sobre a possibilidade de lavagem de dinheiro dos dízimos, no exterior. Só a autora da matéria, jornalista Elvira Lobato, já coleciona mais de 60 processos; 2) reportagem do jornal "Extra", do Rio de Janeiro, criticando um fiel que doou um carro à igreja, em troca de um suposto milagre; 3) reportagem do jornal "A Tarde", da Bahia, por críticar um pastor protestante que atacou uma imagem sacra; 4) Cena da novela da Globo "Duas Caras", que mostrou, neste mês de março, uma seguidora fanática (Edivânia), incitando os moradores a cometerem atos de violência e preconceito contra outros três personagens que viviam um suposto triângulo amoroso, morando sob o mesmo teto.
Vejam algumas das manchetes:
Fiéis da Universal processam a Folha de S. Paulo;
Fiéis da Universal processam jornais "Extra (RJ)" e "A Tarde(BA)";
"Assédio Judicial" em Ações de Fiéis da Universal
Igrejas e Sites Evangélicos Mobilizam-se para Processar TV Globo
União Evangélica Brasileira concita fiéis a boicotar e processar TV Globo
E vamos parar apenas nestes exemplos mais recentes, para poder comentar o que está acontecendo. De lembrar, porém, que vários outros casos semelhantes têm existido, principalmente nos últimos cinco anos, quando o crescimento dos evangélicos se acelerou, com o fortalecimento do patrimônio econômico e a compra de jornais, revistas e concessões de canais de televisão, todos praticando o "marketing religioso das religiões evangélicas. Não podemos nos esquecer que a realidade de hoje é bem diferente da de dez anos atrás e que, segundo a "Folha OnLine (http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u373563.shtml )", só a Igreja Universal do Reino de Deus já controla, sozinha, a maior parte das TVs no país (você já viu quantos programas religiosos evangélicos pululam nos canais de TV?), sendo a principal delas a Rede Record, da qual seria a principal acionista (fato não comprovado e insistentemnete negado pela IURD, que se qualifica apenas como principal cliente). Isto, aliás, nem vem ao caso. O que importa é que elas dominam mesmo os programas religiosos exibidos nas emissoras afiliadas, sem falar nas de radiodifusão, onde também possuem emissoras próprias e/ou horários cativos.
Mas não ficam atrás, em matéria de programas de TV e radiodifusão, as dissidentes "Internacional da Graça de Deus", "Mundial do Reino de Deus", "Mundial do Poder de Deus" e "Renascer em Cristo", todas também praticantes do marketing religioso e proselitismo concorrencial, além de possuirem técnicas muito semelhantes de arrecadação de dízimos e doações diversas, com o mesmo tipo de assessoramento jurídico. Será somente coincidência?
Como se isso não bastasse, há que se considerar dois outros grandes perigos: 1) Os avangélicos, com cerca de 48 milhões de seguidores, segundo eles próprios, são hoje a segunda força religiosa do país (aproximando-se paulatinamente da primeira, a católica), ou seja - mais de um terço da população adulta; 2) nenhum político desprezará essa massa votante. Na Câmara e no Senado, já existe a "bancada evangélica", para defender seus interesses.
Diante de tudo isso, eles agora se acham poderosos e não admitem críticas contrárias ao que praticam. Não se sabe ao certo o número total de evangélicos no Brasil, já que o último censo do IBGE refere-se ao ano 2000. O número de 48 milhões de fiéis, como dito, foi divulgado pelos próprios evangélicos e pode não ser correto. Segundo outros, eles seriam 35 milhões. Dados do IBGE , do censo de 2000, acusavam 26,1 milhões, sofrendo, porém, fortes críticas quanto aos critérios de aferição, que teriam subestimado os números dos evangélicos e somente acertado na tendência do crescimento, que apontava para a triplicação dos seguidores em 10 anos. Assim, projetando para 2008 e num cálculo bem simplório, eles seriam hoje, no mínimo, uns 42 milhões. Daí, a sua autoconfiança e prepotência.
No Brasil, o evangelismo originou-se do protestantismo, que aqui chegou em 1624-25, com a invasão holandesa. As igrejas protestantes vem sendo, no Brasil, mais do que em qualquer outro lugar, um fenômeno religioso que desperta o interesse de peritos nessa área, devido ao vertiginoso e acelerado crescimento das últimas décadas, que coloca o Brasil como o segundo país no mundo em maior número de protestantes, só ficando atrás dos Estados Unidos (fonte: "Mídia e Fé - http://www.cacp.org.br/midia/)
Das 3 grandes ramificações das igrejas protestantes (tradicional, pentecostal e neopentecostal), temos, entre as pentecostais, a "Assembléia de Deus" e "Deus é Amor", as duas maiores representantes e, entre as neopentecostais, as 4 grandes: Universal do Reino de Deus (Edir Macedo - 1977); Internacional da Graça de Deus (Pastor Romildo R. Soares - 1980); Renascer em Cristo (Estevan Hernandez - 1986); Mundial do Reino de Deus (?) e Mundial do Poder de Deus (?). Todas essas neopentecostais, excetuando a Renascer em Cristo, são dissidências da IURD, daí, a similitude entre os nomes e as práticas. Com todas essas trapalhadas, estima-se que até o ano de 2020, mais da metade da população brasileira será de evangélicos e o Brasil pulará de segundo para o primeiro lugar entre os países mais pentecostais do mundo (tomara que eu já esteja morto, para não ter que assistir ao caos!).
Como se vê, igreja, principalmente para os neopentecostais, é negócio. E como negócio, tem de ser defendido da concorrência e da propaganda contrária. Por isso, a enxurrada de processos. Portanto, se você for criticá-los, cuidado! Corre o risco de sofrer processos, especialmente se a matéria tiver repercussão (eles não se importam muito com os pequenos ou com matérias que não tenham repercussão nacional). Mas, se tiver e com o crescimento e força que estão ganhando... (huuum! sei não, sei não).
Infelizmente, a nossa Constituição Federal, em seu artigo 5º, inc. VI, ao garantir a liberdade de crença e o livre exercício dos cultos religiosos, protege não só essas igrejas, como o tipo de malefícios e transtornos que elas causam, formando um exército de fanáticos que sofrem lavagens cerebrais semanais, submetendo-se ao cativeiro religioso. Com isso, a IURD fortaleceu-se aqui e, rompendo as fronteiras do Brasil, já está presente em mais de 115 países, segundo a Enciclopédia Digital Wikipédia.
Será que um dia, pelo menos no Brasil, uma emenda constitucional poderá corrigir o problema? Quem terá coragem?
*********** **********
Fontes dos dados estatísticos: Wikipédia; IBGE; Folha OnLine - Brasil (http://www1.folha.uol.com.br/folha/brasil/ult96u373563.shtml) Centro Apologético Cristão de Pesquisas - CACP( http://www.cacp.org.br/midia/); upgospel( http://www.upgospel.com.br/issue1/ ); Globo on Line; Revista de Estudos Religiosos - Nº 2/2003/pgs 75-80
Notas: 1) Ativemo-nos a comentar apenas as ações dos neopentecostais (ramo ao qual pertencem a IURD, a Internacional da Graça de Deus, a Renascer em Cristo, a Sara Nossa Terra e a Universal do Poder de Deus) por serem estas as igrejas mais poderosas e as que mais agressivamente se defendem, atacam e praticam o proselitismo. As tradicionais (batistas, metodistas, presbiterianas) e as pentecostais como as "Assembléias de Deus", "Deus é Amor", "Congregações Cristãs" e "Evangelho Quadrangular") são mais comedidas e menos nocivas;
2) Para conhecer mais sobre as igrejas evangélicas neopentecostais, leiam as biografias de seus respectivos fundadores e as suas trajetórias. Depois concluam, como conseguiram, em pouco menos de 3 décadas, tornarem-se tão ricas e poderosas. Não estou afirmando nada, apenas sugerindo que pesquisem e estudem o assunto.

Respostas:

Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (klebson de Oliveira Morais komorais@ig.com.br - 08/12/2008 15:59:15)
Gostaria de agradecer aos senhores por divulgarem neste pequeno site a grandiosa obra do reino de DEUS aliaes tambem da ( IGREJA UNIVERSAL DO REINO DE DEUS). E vos dizer que a 13 anos não fasso parte desse mundo podre que a midia brasileira incluindo os senhores defamadores que sidizem ser orientad...(ver)
Boa tarde amigo. Gostaria de lhe pedir que no lugar de voce citar e generalizar todos os evangélicos,voce frizasse bem quais denominações que se dizem evangélicas,pois a raiz evangelica vem de Cristo quando ele nos fala uma frase preponderante:ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura....(ver)
A IC coitada, que explora boa fé de incautos inocentes induzindo-os a crerem em papeis com imagens de "santinhos", um monte de imagens fabricadas com fins econômicos, vendidas aos milhões provavelmente no mundo todo, não tem dinheiro coitada. Não tem templos nos lugares mais privilegiados das cidad...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (romildo romildosbarbosa@bo.com.br - 23/05/2008 22:10:23)
é barbaro afirmar perigo dos neopentecostais perigo é a besta fera fazendo turismo enganando as nacoes por enquanto é so....(ver)
Que Deus tenha misericordia de sua vida...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo esta a nossa frente... VEJA A SEGUIR (J W josewilsonnice@hotmail.com - 12/08/2008 20:51:16)
Oi, Arrogância: é o sentimento que caracteriza a falta de humildade. É comum conotar a pessoa que apresenta este sentimento como alguém que não deseja ouvir os outros, aprender algo de que não saiba ou sentir-se ao mesmo nível do seu próximo. São sinónimos, o orgulho excessivo, a soberba, a altivez...(ver)
o que mdizem das testemunhas de jeova...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (Eduardo PERES peresmar@click21.com.br - 11/01/2009 03:36:43)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (Rose Danielma Siqueira - 12/03/2009 10:04:27)
Com certeza amado, a igreja evangelica vem crescendo e crescerá ainda mais, pois isto é uma promessa de Deus, escrito na biblia, o povo de Deus crescerá assustadoramante. diz que o grande sinal do fim dos tempos seria a expanção do evangelho ao mundo inteiro. So o senhor JESUS é digno de toda honra ...(ver)
isso aqui é uma coisa sem sentido ñ encontrei nada do que eu queria...(ver)
olha sou admirador da comunidade hebraica, mas acho que existe assuntos mais importante para nos preocuparmos, enquanto essa ou aquela religião não se tornar nociva a sociedade não existe motivo para combate-la ademais os povos dão os dizimos e ofertas porque querem não são forçados, alguns pq pensa...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (Gremy Filho gremy@oi.com.br - 17/06/2009 14:54:49)
Como estudante de Ciência das Religiões, não vejo, motivo inteligente para referir-se às igrejas evangélicas como causadores de malefícios e transtornos, pelo contrário embora sejam praticantes de fato da religião a que pertençem, todas as práticas religiosas na história tiveram grande importância n...(ver)
eles falam da nova era que o demonio vai vim no fim dessa era crista essa igreja eo proprio demonio usam falsos profetas e comem seu dinheiro...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (lilian liliankabiru@yahoo.com.br - 22/10/2009 21:48:57)
artigo religiões...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (wallynson wally_mota@hotmail.com - 19/01/2010 19:23:24)
Olha na verdade deve representar perigo mesmo, porque a Igreja Catolica sempre teve consigo a "verdade", mas graças a Deus um homem de Deus teve coragem de desmascarar esssa seita, que com todo afinco mostrou aos homens a verdade!, e vcs esqueceram da Nossa Igreja, a única que nao se propaga através...(ver)
É impressionante as pessoas que não conhece á intenção do Evangelho. Por não compreender o crescimento do Evangelho no Brasil e em outras nações, as pessoas se sentem ameaçadas com suas opiniões ou pensamentos cotrários á respeito do crescimento do Evangelho. Na verdade essas pessoas precisam dar ma...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (Fernando Almeida fernndoitb@gmail.com - 06/01/2011 15:27:42)
Concordo com quase tudo. So católico e só peço o cuidado para que não passemos a pregar o ódio. Vejo sim, um certo perigo no avanço dessas seitas, mas um dia haverá uma nova revolução entre eles próprios que os farão regressar para a única Igreja, a de Jesus, Maria, Pedro... Basta ver as brigas entr...(ver)
Religiões Evangélicas: O Perigo do Crescimento dos Neopentecostais (balbina ramoncocacola13@hotmail.com - 24/02/2011 16:32:28)
o perigo e qe os catolics cresçm e fiquem correndo atraz de maria voces tem ue correr atraz de jesus ...(ver)

Responder a esta mensagem

Atenção:
A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, bem como a humilhação e exposição pública caluniosa e difamatória, constituem crimes punidos pela legislação brasileira. Denuncie aqui sites e/ou mensagens de fóruns hospedados na Insite contendo qualquer violação.
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Quero receber notificação por email se minha mensagem for respondida.
Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)
 

| Hospedagem de Sites | Acesso Banda Larga | On Google Plus
Tecnologia Insite   -   Soluções Internet   -   ©   2019 -   http://www.insite.com.br