Criar forum gratis
Auxiliar a todos que estejam enfrentando dificuldades com tradução/versão de textos inglês/protuguês
Assinar este forum via:
[RSS/Atom]     [E-mail]
Mensagem

Passar um texto de português p/ Inglês

De em 22/04/2009 13:14:07 a partir de 200.192.240.40
No início do filme, antes da apresentação dos créditos relativos à produção, o personagem central vivido por Nicolas Cage fala rapidamente sobre a relação entre homens e armas no complexo mundo em que vivemos. Concluindo sua fala ele nos diz que há aproximadamente uma arma para cada doze habitantes da Terra. O que poderia ser pensado como um prólogo que teria um fechamento pacifista é, na realidade, a oportunidade para que esse autêntico senhor da guerra termine se perguntando: "O que precisamos fazer para que as outras onze pessoas tenham armas?".
Baseado na vida de um contrabandista internacional de armas que abasteceu as principais guerras do planeta entre os anos 1980 e 1990, O Senhor das Armas, do diretor Andrew Niccol, repercutiu com grande destaque em virtude de sua temática tão polêmica e atual. Afinal de contas, como ficamos sabendo a partir do próprio filme, as balas fabricadas para utilização nas famosas armas automáticas AK-47, de origem russa, já vitimaram mais pessoas ao redor do globo do que as bombas atômicas lançadas sobre o Japão pelos norte-americanos na 2ª Guerra Mundial.
As duras lições que nos são dadas por esse filme começam de forma inesperada durante os letreiros iniciais. Nesses minutos já se conta uma história deveras interessante, a da fabricação, embalagem, venda, transporte e entrega de um dos mais cobiçados, caros e mortíferos produtos criados pela humanidade, as balas do referido fuzil AK-47. O problema é que o percurso didático que nos apresenta os caminhos percorridos por essa munição entre o seu fabricante e o comprador não acaba com o recebimento da encomenda. A verdade é que as balas chegam ao destinatário final que não é o comprador, mas a vítima desses invólucros metálicos recheados de pólvora e criados especificamente para anunciar a morte...

Em resposta a:

Passar um texto de português p/ Inglês (michelle - 14/08/2008 17:09:01)
Meus pés não tocam mais o chão. Meus olhos não veêm minha direção. Da minha boca saem coisas sem sentido. Você era meu farol e hoje estou perdido. O sofrimento vem à noite sem pudor. Somente o sono ameniza minha dor. Mas e depois? E quando o dia clarear? Quero viver do teu sorriso teu olhar. Eu corr...(ver)

Responder a esta mensagem

Atenção:
A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, bem como a humilhação e exposição pública caluniosa e difamatória, constituem crimes punidos pela legislação brasileira. Denuncie aqui sites e/ou mensagens de fóruns hospedados na Insite contendo qualquer violação.
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Quero receber notificação por email se minha mensagem for respondida.
Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)
 

| Hospedagem de Sites | Acesso Banda Larga | On Google Plus
Tecnologia Insite   -   Soluções Internet   -   ©   2018 -   http://www.insite.com.br