Criar forum gratis
"Tenho pensamentos que, se pudesse revelá-los e fazê-los viver, acrescentariam nova luminosidade às estrelas, nova beleza ao mundo e maior amor ao coração dos homens." (Fernando Pessoa, em "O Eu Profundo")
Assinar este forum via:
[RSS/Atom]     [E-mail]
Mensagem

Análise de poemas.

De Alvicleide Caetano em 02/11/2008 20:46:34 a partir de 200.253.18.194
Análise do Poema “Fantástica”
O poema “Fantástica” de Alberto de Oliveira possui sete estrofes com quatro versos cada, ou seja, é uma septílha constituída de quartetos tendo seus versos decassílabos com o esquema de rimas intercaladas ABAB seguindo assim as características a forma fixa de representadas pelos decassílabos perfeitos, com a rima rica:
“Trás o colo estrelado de diamantes,
Colo mais claros de que a espuma de Jônia
E rolam-lhe os cabelos abundantes
Sobre peles nevadas da Issedônia”
Possuindo em seu contexto morte, magia, mistério:
“Uma bela princesa esta sem vida”
“Portas fechadas, num mistério enorme”
“Com trombetas de ébano com ombros”
O parnasianismo idealiza a vida, morrer para renascer: arte inatingível, uma preocupação estética dos textos com versos e rimas perfeitas.
Visualizando a predominância de cores:
“E à luz dos plenilúnios argentados”
“Colo mais claro do que a espuma de Jônia”
Apresentando indicativos de silencio, imobilidade e assombramento:
“E o silencio por tudo, nem um passo”
“Vê-se em bronze uma antiga e branca esfinge”
“Em seu régio vestíbulo de assombro”
O Parnasianismo idealiza de forma bem sucinta seus ideais, aqui já citados, formando versos com rimas perfeitas, onde o poeta não deve expor o próprio eu, nem fiar-se da inspiração; as liberdades técnicas são proibidas; o ritmo é da maior importância; a forma deve ser trabalhada com rigor; a Antigüidade grega ou oriental fornece modelos de beleza impassível; a ciência, guiada pela razão, abre à imaginação um vasto campo, superior ao dos sentimentos; a poesia deve ser descritiva, com exatidão e economia de imagens e metáforas, em forma clássica e perfeita.
“Sono de lendas num palácio enorme”
“Uma bela princesa está sem vida”
“Põe da morta no tálamo de flores”

Em resposta a:

Análise de poemas. (nielson batista da silva - 20/12/2007 13:10:48)
Por favor, gostaria, se possível, da análise dos poemas "Fantástica", de Alberto de Oliveira e "Náufrago", de Alphonsus de Guimarães. Se não for pedir muito, mas é que tenho pressa da análise desses poemas. Obrigado pela atenção!...(ver)

Respostas:

Análise de poemas. (Maryanne - 06/02/2009 13:19:03)
Gostaria de receber a analise do poema José de Carlos Drummond de Andrade com urgencia, não importa a quantidade de folhas. SOCORRO!!!!!...(ver)
Análise de poemas. ( - 27/06/2012 19:58:58)
Análise do poema fantástica de Alberto de oliveira...(ver)

Responder a esta mensagem

Atenção:
A prática, indução ou incitação de discriminação ou preconceito de raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional, por meio da Internet, bem como a humilhação e exposição pública caluniosa e difamatória, constituem crimes punidos pela legislação brasileira. Denuncie aqui sites e/ou mensagens de fóruns hospedados na Insite contendo qualquer violação.
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Quero receber notificação por email se minha mensagem for respondida.
Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)
 

| Hospedagem de Sites | Acesso Banda Larga | On Google Plus
Tecnologia Insite   -   Soluções Internet   -   ©   2017 -   http://www.insite.com.br