Nova pagina 1

FÓRUM PARA ASSUNTOS RELACIONADOS AOS FUNCIONÁRIOS DO BANCO DO BRASIL, ESPECIALMENTE CONCURSOS PÚBLICOS, POLÍTICAS DE RECURSOS HUMANOS E A RECENTE POLITIZAÇÃO DE CARGOS DE DIREÇÃO (COMISSIONADOS OU NÃO).

 

O CONTEÚDO DAS MENSAGENS SÃO ÚNICA E EXCLUSIVAMENTE RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES, IDENTIFICADOS POR E-MAIL, IP E DATA.

LINK PATROCINADO:

Tags: brasil do concursos concurso banco humanos recursos bb cargos
01/06/2007 14:41
De: thais
IP: 151.41.242.8

PARA O SR FERNANDO NOBRE

Prof. Fernando Nobre, visto que o Sr. trabalha na Caixa Economica da Bahia, tenho uma assunto particular e gostaria de saber se poderia entrar em contato com o sr por email ou outros meios. E que moro no exterior. Na verdade sou uma concursada do bb brasil, que nao foi ainda chamada.. rs mas o assunto seria outro. Sobre investimentos ai na bahia e financiamentos. Obrigada.
22/10/2007 18:30
De: Bob
IP: 192.168.1.74, 189.16.76.2

Notícia quentíssima para micro 29 Curitiba BB2007.

Segue Liminar!
14h15 - TST mantém terceirização de telemarketing do Banco do Brasil 16/10/2007
O Pleno do TST (Tribunal Superior do Trabalho) manteve liminar que permitiu a prorrogação de contratos de prestação de serviços de telemarketing do Banco do Brasil no Estado do Paraná. O Tribunal entendeu que o mérito da questão principal – a licitude da terceirização, objeto de ação civil pública do Ministério Público do Trabalho – é de caráter altamente controvertido, e que a proibição da prorrogação dos contratos antes do julgamento do mérito poderia causar danos irreparáveis aos quase mil empregados terceirizados.
A liminar havia sido concedida pelo corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro João Oreste Dalazen, em reclamação correicional movida pelo banco. O contrato de terceirização de serviços de telemarketing firmado com as empresas Mobitel e TMKT Serviços de Marketing foi questionado pelo Ministério Público do Trabalho da 9ª Região na Vara do Trabalho de São José dos Pinhais.
A alegação era a de que os empregados dessas empresas estariam executando serviços tipicamente bancários, nas mesmas condições de empregados concursados, e ainda estariam ocupando vagas que poderiam ser preenchidas por candidatos aprovados em concurso cuja validade expiraria em dezembro de 2007. Pediu a concessão de tutela antecipada a fim de cancelar os contratos, com a substituição dos empregados por pessoal concursado em espera.
A sentença concedeu a antecipação de tutela para que os contratos – que venceriam em julho e agosto de 2007
– não fossem prorrogados. O juiz de primeiro grau concluiu que os terceirizados exerciam típica atividade-fim do
banco, e que havia discriminação salarial entre os empregados e os terceirizados, embora exercessem as mesmas funções. O banco foi condenado a “não contratar ou manter contratos com empresas interpostas para execução de suas atividades fins, dentre elas o chamado telemarketing”.
Por meio de recurso ordinário e de ação cautelar, o Banco do Brasil pediu a suspensão da proibição determinada na sentença até o trânsito em julgado da decisão da ação civil pública.
O relator do caso no TRT (Tribunal Regional do Trabalho) do Paraná, porém, negou o pedido, levando o banco a ajuizar reclamação correicional na Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho sob a alegação do iminente prejuízo representado pela perda do emprego dos quase mil empregados das prestadoras de serviço.
O corregedor-geral, ministro João Oreste Dalazen, determinou a suspensão da tutela que obrigava o banco a não prorrogar os contratos. O Ministério Público recorreu desta decisão, por meio do agravo regimental julgado pelo Pleno do TST, no qual ressaltou que a prorrogação dos contratos até o trânsito em julgado da ação civil pública “agravaria ainda mais a situação dos candidatos já aprovados no concurso de 2003 e todos os potenciais candidatos a essa carreira que vêem suas vagas ocupadas por trabalhadores terceirizados”.
A matéria teve longo debate no Pleno. O relator, ministro Dalazen, afirmou que a suposta irregularidade da terceirização dos serviços de telemarketing “é questão jurídica objeto de intensa controvérsia doutrinária e jurisprudencial, inclusive no âmbito do TST” – o que ficou evidente ao longo dos debates.
O relator adotou ainda um segundo fundamento: o do risco de dano irreparável no caso da não-prorrogação dos contratos. “Com isso, o banco sofreria graves prejuízos econômicos e estruturais, diante da natural demora no processo de substituição dos empregados terceirizados pelos concursados. Ademais, isso traria impacto negativo sobre a qualidade e a celeridade na prestação de serviços aos milhares de clientes do banco”.
A decisão do Pleno deu provimento parcial ao agravo regimental do Ministério Público, para limitar a liminar concedida pelo corregedor-geral até a decisão de mérito do TRT-PR.
Última Instância
Pessoal Comentem sobre isso!....
06/05/2007 11:36
De: GEORGE RARISSON SANTIAGO MUNIZ
IP: 192.168.136.10, 200.141.128.203

MENTIRAS NA TV

PRIMEIRA,PROPAGANDA ENGANOSA EM Q A ATRIZ ENTRA COM UM VOLANTE NA MAO E SAI COM UM CARRO....
SEGUNDA,FACILIDADE A EMPRESTIMO,ELES DIZEM Q É FACIL FAZER EMPRESTIMO NO BB  MAS É MENTIRA,SÃO NECESSARIOS MUITOS DOCUMENTOS....ETC...
E OUTRA COISA,ATENDIMENTO MUITO DEMORADO....
06/03/2008 14:17
De: carliana (carlianaduarte@hotmail.com)
IP: 201.75.30.56

Previsão de concurso para manaus em 2008

Boa tarde!!!
Quando será divugado e o concurso do banco do brasil para o estado manaus-am? Será que existe alguma previsão ainda este ano deste já agradeço atenção de quer ler está mensagem e se poder responder també, sou grata.
att
Carliana
14/08/2007 20:14
De: Rodrigo Porto
IP: 201.19.244.131

Me ajudem por favor!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Boa noite desculpe por estar no forum de vcs mas estou aqui postando esta mensagem pois preciso da ajuda de vcs como no Brasil nós sabemos que está difícil conseguir emprego estou à procura de emprego sou uma pessoa responsável, competente e com grandes ideais, eu poderia roubar ou qualquer outra coisa desse tipo mas estou procurando emprego onde eu possa receber um salário digno tenho conhecimentos de informática, word, excel, powerpoint, dreamwaver, access, tenho noções de html, php 5 básico, enfim já trabalhei como vendedor de perfumes, balconista, servente, garçon, estou precisando da ajuda de vcs se alguém puder me ajudar nisto ou até financeiramente pois já faz quatro meses que estou procurando emprego, estou com uma dívida de 1.100,00
e está aumentando por causa dos juros quem puder me ajudar com qualquer quantia eu disponibilizo minha conta Ag:0208 conta poupança 9276-5 ficarei muito agradecido, me ajudem com o que puderem não estou roubando ninguém só pedindo a sua ajuda que Deus possa te abençoar tremendamente.
19/09/2007 14:29
De: Amigo B (advocate@onda.com.br)
IP: 201.10.97.121

Re: Gabarito

Sociedades por Ações - "Sociedades Anônimas" - Lei das S.As. - L-006.404-1976
Capítulo V
Debêntures
Seção III
Criação e Emissão
Limite de Emissão
Art. 60. Excetuados os casos previstos em lei especial, o valor total das emissões de debêntures não poderá ultrapassar o capital social da companhia.
OU SEJA: A LEI PREVÊ CASOS EM QUE É POSSÍVEL O VALOR TOTAL ULTRAPASSAR O CAPITAL SOCIAL. RESPOSTA DA 75 DA QUEBEC=ERRADA
(obs. eu também errei!!)
25/09/2007 09:30
De: Adler Maganha de Pádua
IP: 172.20.50.39, 200.202.200.138

Concurso Banco do Brasil 003/2007

Gente, meu nome é Adler e é a 1ª vez que presto concurso para o Banco do Brasil. Pelo que vcs viram ai na internet de recursos, quantas questões vcs acham que podem ser alteradas ou anuladas??Grato.
18/06/2004 23:27
De: Adriano
IP: 200.202.16.8-

Re: Re: Concurso


Ola Ricardo
Fui informado que o BB está fazendo uma reclassificação das agências, elas são divididas em níveis (1, 2, 3, 4 ... ou porte pequeno, médio, grande).
De acordo com o nível da agência ela tem uma dotação de pessoal, quanto maior o nível, maior o número de funcionários. Este é um trabalho que envolve todas as agências e a Administração Central.
Seu IP: 54.159.129.152 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)