Alguem sabe informar em qual lei posso fundamentar um pedido de cancelmento do pagamento de 1,5% de pensão para filha de militar, já q esta faleceu antes do seu genitor?????

Tags: militar morte filha
10/04/2013 18:41
De: poty malcher freire
IP: 189.82.6.108

Re: Re: Dúvida 1,5 pensão militar


Gostaria de saber como posso fundamentar um pedido judicial de cancelamento de desconto em BP.do pagamento indevido de 1.5% pensão para filha de militar , já que so tive filho homem comprovado em documentos, porque a marinha não quer cancelar, dizendo que fui avisado na época por mensagem em 2010 coisa que não recebi nada .
,
            Sargento RRM 58.0603.32 POTY MALCHER FREIRE.
28/04/2011 00:28
De: Andreia
IP: 187.14.175.119

Pensao militar

Oi. Eu morei com um militar da marinha  12 anos, e, com ele tive  trez filhos. Eu recebo pensao deles pois o mais velho já completou 21 anos. Eu recebo pensao desde 2001 .hoje eles tem 18, 19 e 21.Até quando eles recebem pensao da marinha? Todos eles sao filhos do mesmo pai, que esta reformado da marinha à
15 anos.Obrigado!!!
14/09/2010 11:08
De: Suhyanan Fins Vieira Garcia
IP: 187.118.41.139

Saber meus direitos

Bom dia gostaria de saber qual o meu direito sobre a minha pensão pois ja recebo des de pequena sendo que agora tenho 20 anos e estava vendo que era só ate 21 anos so  se eu não estou enganada a minha pesão esta na lei em que só perderia em caso de casamento gostaria de saber como posso fazer para estar vendo isso para que eu possa estar preparada e se tem como reverter .Obrigadada des de já
20/10/2011 09:52
De: Angela Guedes
IP: 187.21.228.217

Pensão INSS

Sou viuva há tempos  e recebo a pensão de meu falecido marido. Se casar de novo perco o direiro a esse benefício?
Se não me engano li em algum lugar que a lei do INSS relativo a esse fato foi modificada. A viuva que resolver se casar de novo pode continuar a receber a pensão ou pode escolher.
Obrigada.
05/02/2011 14:27
De: Decio Candido do Nascimento
IP: 201.41.125.5

Direito a casa depois de divorciados...


Caríssimos veja que situação...Quando me divorciei estava pagando uma casa financiada pelo exercito, eu e minha ex declaramos não termos nenhum bem a compartilhar, só que o orgao responsavel pelo financiamento nao quer emitir o direito a escrituração só em meu nome, pois na proposta de compra consta o nome da ex. Sabendo disso minha ex, que ja teve outro marido, quer tirar proveito da situação.
Quando me separei já tinha pago 3 anos de prestações de um financiamento de 25 anos. Ela tem algum direito? O que devo fazer? Esta casa é tudo que tenho. E ela tem casa propria. Me orientem por favor.Atenciosamente...Décio
07/05/2010 20:56
De: simone
IP: 187.116.229.90

Pensão

oi, meu pai é militar da marinha, e desconta 1,5% desde q nasci, ele diz q quando ele e minha mãe morrerem terei direito a pensão, mas eu acho q não pois casei com um militar. Depois de ter me casado perdi o direito a ensão do meu pai?
Desde já agradeço atenção
13/09/2013 14:40
De: Silvio Romero
IP: 200.199.143.251

Ajuda

Boa tarde!
Meu avô trabalhava na empresa IMBEL e possuia RG do Ministério do MG e minha mãe também possui RG do MG. A minha pergunta é: Ele faleceu em 21/08/01. Apó isso, minha avó ficou recebendo e quando ela faleceu, minha mãe não continuou recebendo a pensão. Ela tem direito à pensão? Ela já foi casada e hoje é divorciada.
Obrigado e no aguardo!
11/05/2011 12:07
De: Elizaine Mendes Campos
IP: 187.43.104.167

Pensão para filha divorciada que cuida da mãe mas com a mãe viva

Bom dia!
Gostaria de saber se a filha de funcionário público federal falecido pode requerer a pensão. A mãe é viva e recebe a pensão, mas a filha é quem cuida da mãe, hoje com 75 anos e muito doente. A filha sempre foi dependente dos pais, pois nunca recebeu pensão alimentícia. Desde já agradeço a atenção.
01/03/2012 21:26
De: veronica n. nogueira
IP: 177.115.247.112

Pensão

Sou viuva a 02 anos, acabo de conhecer uma pessoa que me pediu em casamento, como sou cristã fiquei numa situação dificil, pois meus principios so me permite viver maritalmente com ele se eu casar pelo menos no civil. Não casamos ainda porque eu perderia a pensão.Mas soube que agora as pensionistas do funape ou do estado de pernambuco ja podem tanto viver maritalmente quanto casar. Atualmente moro em minas sou deficiente e essa pensão me assegura hoje na compra de minhas ortesis e medicaçao etc...Gostaria de saber se isso é verdade, que lei diz isso, e como eu deverei proceder para ficar assegurada a nao perder a pensao. Gostaria tambem de saber se eu nao me casar e a lei voltar ao que era, ou seja, vivuvas do Funape ou do estado, perdera a pensao em caso de viver maritalmente ou casar novamente, corrrerei o risco de perder a pensao se eu resolver casar ou viver martitalmente. A lei podera retroagir para prejudicar? Como issso funciona?Tambem tenho a curiosidade de saber como é que essa lei foi mudada e porquê foi mudada? ´Quero aproveitar para elogiar a esse gênio que mudou essa lei, pois não teria lógica a pessoa perder a pensão pelo simples fato de viver com alguem.
Seu IP: 54.163.74.238 (os IP's são armazenados por questões de segurança)
Seu nome:
Seu e-mail:
Assunto:
Mensagem:
  Não quero que meu e-mail apareça na mensagem (apenas o nome)